brasil sociedade cultura futebol política democracia igualdade Roberto DaMatta A bola corre mais que os homens Seleção brasileira país nação

Como o futebol colaborou para a democracia no Brasil, segundo Roberto DaMatta

Sempre que uma Copa do Mundo se aproxima, alguns brasileiros gostam de reviver uma tradição: acusar o futebol de ser instrumento de “alienação”, uma forma de distrair as massas daquilo que realmente importa – a política, a corrupção ou o que for. A situação seria como uma paródia da canção “Vai passar”, de Chico Buarque: “Torcia / A nossa pátria mãe tão distraída / Sem … Continuar lendo Como o futebol colaborou para a democracia no Brasil, segundo Roberto DaMatta

Kylian Mbappé mesut özil ozil alemanha frança turquia copa do mundo preconceito xenofobia imigrante imigração sociedade política futebol

Mbappé, Özil e as contradições do futebol que integra e exclui imigrantes

Quando Emmanuel Macron beijou a testa de Kyllian Mbappé, às vistas do Estádio Lujniki e de bilhões de pessoas em todo o mundo, houve algo de simbólico. O gesto de carinho do presidente francês para com o jovem camisa 10, filho de um camaronês e de uma argelina, coroava a conquista da Copa do Mundo por uma seleção que tinha quinze descendentes de imigrantes (a … Continuar lendo Mbappé, Özil e as contradições do futebol que integra e exclui imigrantes

Vsevolod Bobrov, urss, união soviética, ussr, futebol, política, rússia, história, cska, cdka, moscou

Como a URSS cooptou os clubes de Moscou para exaltar suas instituições

Em seu Dicionário de Política, o cientista político italiano Norberto Bobbio escreveu que totalitarismo é um “modo extremo de fazer política, […] que penetra e mobiliza uma sociedade inteira ao mesmo tempo que lhe destrói a autonomia”. Uma das duas experiências de Estado totalitário apontadas pelo livro é a União Soviética de Josef Stalin, que a comandou entre 1922 e 1953, ano de sua morte. … Continuar lendo Como a URSS cooptou os clubes de Moscou para exaltar suas instituições